A ORIGEM DO PERFUME

O hábito de perfumar-se teve origem no Egito antigo

Ele faz parte da nossa rotina de beleza e também dos nossos desejos de consumo. Afinal, qual mulher não gosta de sair de casa cheirosa e deixar seu rastro de perfume no ar? Você já parou pra pensar quem inventou o perfume, ou como ele surgiu?
A história é antiga: em 2.000 a.C., os egípcios começaram a misturar álcool e óleos essenciais para atender aos desejos de faraós e membros da corte, que queriam se refrescar no clima árido daquela região. Mas o grande momento da perfumaria se deu séculos depois, na França; que era privilegiada com uma grande variedade de flores – e foi misturando pétalas com água aromática, álcool e óleos que os primeiros perfumes surgiram. Até hoje a França é considerada a “Meca” da perfumaria, com fragrâncias de renome que conquistaram fãs em todo o mundo.
A Natuphitus busca inspiração nas grandes tradições da perfumaria para criar suas fragrâncias. A Deo Colônia Mayenne, por exemplo, tem como principal referência o perfume Gabriela Sabatini, um clássico da perfumaria feminina que nunca sai de cena. Suas notas de saída misturam essências cítricas (tangerina, limão e laranja) com notas de corpo suaves, como o jasmim, o muguet e a rosa. O resultado é um perfume super feminino, suave, ideal para ser usado no dia a dia por mulheres delicadas e de personalidade marcante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carrinho